O que é o PIS

O PIS é um dos muitos benefícios oferecidos aos trabalhadores que atuam no regime mais comum, o da CLT. Os trabalhadores que são contratados com assinatura na carteira devem, portanto, estar mais bem posicionados diante de algumas situações, dada a emergência que representam.

Você vê, grande parte do tempo o benefício servia para ter um valor a mais no final de determinado ciclo, são várias vantagens para quem recebe o PIS, mas o mais importante é saber os requisitos e como fazer Aplique.

O que é PIS

O Programa de Integração Social é uma forma de os colaboradores auxiliarem as empresas do setor em que atuam e ainda recebem uma determinada quantia após um determinado período de tempo.

Pis

Todo mundo conhece bem o PIS quando o assunto é valor, mas muitas pessoas nem sabem a diferença entre o PIS e o PASEP. Aqui vamos mostrar um pouco mais sobre tudo isso e como é possível criar um mercado ideal para melhorar o relacionamento.

PIS / PASEP

A diferença entre PIS e PASEP é algo muito importante de se entender, pois muitos entendem como uma só coisa. Veja, o PIS é para servidores privados, enquanto o PASEP é para servidores públicos.

Essa é uma das maneiras de diferenciar os dois, mas também existem outros critérios importantes. Cada indivíduo receberá valores diferentes de PIS e PASEP, porém, eles podem ser interligados.

Leia também:

Como consultar o PIS

Para acessar o valor do seu PIS é importante que você entre no portal do INSS, sua consulta pode ser feita até mesmo pelo CPF. Lá você encontrará vários pontos importantes que devem ser destacados

Quem tem direito ao PIS

Há um seleto grupo de pessoas com direito ao abono salarial. São:

  • Se já trabalhei com carteira de trabalho assinada;
  • Pessoas que trabalharam por mais de 5 anos com carteira de trabalho assinada;
  • Ele trabalhou com carteira de trabalho assinada por mais de 30 dias no ano em questão.

Com estes requisitos você já pode iniciar a retirada do seu PIS, o que acontecerá muito rapidamente, pois não há necessidade de nada muito complicado.

Porém, se você deseja saber o valor que receberá, continue lendo o artigo.

Valor

O valor do PIS variará de R $ 92,00 a R $ 1.100,00. Vai mudar de acordo com o número de meses trabalhados naquele ano, os profissionais que estiverem com mais tempo de serviço, neste caso os 12 meses, receberão o valor total.

Não é muito complicado de entender, não há cobrança de honorários e acaba funcionando como um “segundo décimo terceiro” para quem ainda tem carteira de trabalho assinada e trabalhou durante todo o ano.

Calendário

Em primeiro lugar, o mais importante é saber que nesse ano de 2021 a tabela de abono salarial foi alterada, então quem esperava receber o benefício ainda este ano, terá que esperar até o próximo.

Isso foi anunciado há algum tempo e, de acordo com as informações que foram repassadas, é uma estratégia de combate à cobiça.

O calendário do PIS é parecido com o calendário do FGTS, você receberá de acordo com o mês de nascimento. Nesse caso, se você nasceu em abril, por exemplo, só poderá receber o valor em abril.

Como consultar o número PIS

Para consultar o número não precisa de muita mão, pois encontra-se na primeira folha da ficha de trabalho.

Também há a possibilidade de encontrá-lo no extrato do FGTS, no cartão do cidadão e até mesmo nas agências da Caixa, desde que seja portador de documento original com foto.

Como registrar

Se você tem funcionário e deseja preencher os requisitos do PIS, basta entrar no site da Caixa. O Connect da Caixa Econômica Federal pode ajudar muito no processo por ser uma plataforma bastante intuitiva.

Então, você precisará:

  • CPF;
  • RG;
  • Nome dos pais;
  • Dados da pasta de trabalho.

Como se viu, o PIS é muito importante, tanto para o empregado quanto para o empregador. Estar de acordo com a lei é algo que deixa a todos mais tranquilos, ou seja, toda empresa que contrata alguém que segue a CLT, deve ter em mente que é vital o registro do PIS.

Da mesma forma, o abono salarial é algo que todo trabalhador deseja, pois pode até ser equivalente a outros salários mínimos, a boa notícia é que os requisitos são fáceis de cumprir. Ah, mas vale lembrar que o recebimento só será feito após a solicitação, por isso é muito importante que o profissional faça.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *