O que é o FGTS e como funciona – Descubra tudo

Fundo de garantia por tempo de serviço. Já dá para imaginar a função do FGTS apenas pelo seu significado.
Este é um valor que é retirado do salário do trabalhador com base em cada recebimento mensal, servirá como reserva se essa pessoa for demitida ou se houver situação atípica no país.

É interessante saber que, no caso de demissões, é mais comum encontrar essa situação em primeiro plano, pois é o que os trabalhadores mais procuram receber no momento, falaremos um pouco mais sobre isso a seguir.

O que é FGTS e como funciona

Conforme já mencionado, o FGTS é um fundo de garantia que é colocado na conta do funcionário de forma que ele não pode sacar. Na verdade, o dinheiro, apesar de pertencer ao trabalhador, permanece em uma instituição financeira para que possa ser resgatado no tempo ou em caso de necessidade.

Fgts

Pensando nisso, fica ainda mais fácil receber o benefício, pois em determinados momentos eles podem optar pelo saque emergencial, do qual falaremos mais adiante.

Quanto ganha o FGTS

A alíquota do FGTS é de 3% ao ano, mas pode sofrer algumas alterações em função da TR. A boa notícia é que não recai sobre ele o imposto de renda, o que facilita o seu recebimento.

O rendimento da conta é muito importante para o trabalhador, porque naquele momento ele vê vantagens em deixar o dinheiro ali, até porque, se não tivesse, seria melhor deixá-lo na caderneta de poupança normal.

Leia também:

Como Consultar

Para consultar o FGTS de forma simples, basta informar o número do seu NIS ou CPF e clicar em cadastrar uma senha.

Depois de ler o regulamento você deve concordar e então será direcionado para uma página onde terá que inserir dados pessoais e criar uma senha de até 8 dígitos, ela deve conter letras e números.

Após a confirmação você será redirecionado para o local da consulta.

FGTS Emergencial

O FGTS emergencial, como já foi mencionado, é uma forma de sacar o recurso que, em suma, envolve a situação em que a pessoa se encontra, considerando também a situação do país.

Então, pode acontecer em datas específicas, desde que seja solicitado pelo trabalhador, não demora muito para que caia na conta, mas pode ter alguns problemas se fizer isso, porque não é uma ação que pode ser levado de volta

Calendário

O calendário do FGTS é uma forma de organizar o recebimento do recurso. Acontece com base nos meses do ano em que o trabalhador nasceu. Então, cada data específica é mostrada como o início do pagamento.

Por exemplo: nascido em julho pode receber o valor entre julho e setembro. Os nascidos em agosto podem desistir entre agosto e outubro. Então, isso acontece sucessivamente.

Quem tem direito

Todo trabalhador brasileiro com carteira de trabalho assinada, isso fica claro, seguindo as consolidações da Legislação Trabalhista. Basicamente, quase todos os profissionais têm direito ao benefício.

Para ser mais direto, só quem não trabalha com carteira de trabalho assinada não vai receber, porque não há evidências de que ele trabalha e nenhum dinheiro é colocado no fundo de garantia por causa disso.

Saque FGTS

O saque do FGTS é feito de forma muito simples e rápida. Você pode baixar o aplicativo em seu telefone e iniciar o processo.

A parte mais demorada pode estar relacionada à vinculação da conta que você vai receber, ou seja, a pessoa que se deseja também deve ter conta em outro banco, ou utilizar aquela que será disponibilizada pelo aplicativo, CAIXA TEM .

Com esta conta você poderá sacar e utilizar o dinheiro normalmente, é uma conta bancária simplificada, mas traz consigo todos os benefícios de uma conta normal.

Como obter o certificado FGTS

Basta seguir o seguinte processo:

  • Acesse o site da caixa e encontre o cardápio: benefícios e programas;
  • Em seguida, clique em FGTS;
  • Acesse “Acesso rápido do FGTS”;
  • Em seguida, selecione ‘serviço para o empregador’;
  • Clique na opção “consultar CRF”;
  • Em seguida, digite o CNPJ da empresa.

Consulta FGTS

Existem várias formas de consultar o FGTS, pode-se fazer até pelo número da Caixa correspondente, porém, o método mais fácil é acessar o aplicativo.

Após criar uma conta do FGTS, é só fazer o login, logo no início você pode ver o valor que está na conta, se quiser saber quanto ganha por mês, basta selecionar o valor, pronto! Você terá todas as informações sobre os depósitos anteriores do FGTS.


Por fim, o FGTS é simples e fácil de acompanhar, sacar e o depósito acontece automaticamente, o que torna tudo ainda mais simples.

Dentre todos os benefícios oferecidos às pessoas que são demitidas, o recurso é o mais esperado, pois é recebido de forma fácil e pode gerar segurança, mesmo que por um curto período de tempo.

Vale lembrar que você pode acessar mais informações sobre o FGTS no site da Caixa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *